14 de Outubro de 2011

 

Armando Rodrigues nasceu em Paradela de Valadares, no tempo da fome, a seguir à Segunda Grande Guerra.

Foi criado e pastor. Aprendiz numa fábrica de fundição no Porto.

No entanto,foi para marceneiro que sempre lhe puxou a vocação.

Esta foi a arte que exerceu em França. A sua ida para este país, a salto, foi uma epopeia que o nosso entrevistado relata, ao pormenor, no Som da Gente deste fim de semana.

Como reformado, regressou a Portugal onde, em Santa Cruz da Trapa, continua a exercer a arte de marceneiro agora quase como passatempo. Uma das coisas que actualmente gosta de fazer é o tratamento de raízes dando asas à imaginação criando as mais variadas figuras e bicharocos.

 

Uma outra paixão de Armando Rodrigues é a música.

Começou por tocar gaita de beiços e depois bandolim.

Hoje, pela arte de marceneiro, faz e rapara guitarras e bandolins que toca utilizando todas as técnicas modernas o que é mais admirável quando já se conta no clube dos octogenários.

 

Fotos: Alcides Riquito

publicado por somdagente às 11:12
Outubro 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30
31
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
comentários recentes
Acabo de ouvir e visualizar a 2ª parte da vossa re...
Acredito e aceito. Isto foi o que se conseguiu ap...
Esse sr.Antonio Silva meu vizinho e compradre e am...
Apraz-me dizer, que Deus lhes dê força para conti...
Fico com água na boca.Quero VER!Abraço
Amigo e Senhor Fernando Luís,Parabéns pelo excelen...
Olá boa noiteO meu nome é Dina Cruz e sou técnica ...
Quando escreveram (e cito): "Em 1959, aqui nasceu ...
Intereessante!... Um espaço a ter em conta!
Conheci o Prof. Zé Fernando há 30 anos. Já nessa é...
blogs SAPO